08/03/2018

Obrigada!!!



Liberdade...

A liberdade é mágica. A liberdade dá-te aquela sensação de que fizeste o que tinha de ser feito. Que estás onde tens de estar. Que tudo está no seu lugar.
A liberdade não é um sítio.
Não tens de ir a lado nenhum. Não tens de fazer nada para seres livre. Liberdade é teres consciência de que a vida é tua e só tua, e que tens que vivê-la e seres quem és, sem concessões.
É claro que os outros também poderão ser levados em consideração. Mas com limites. Há pessoas que vivem inteiramente para os outros.
Tudo o que fazem, fazem-no em nome dos outros. São em nome dos outros. Todas as suas vidas são concessões constantes. Esforçam-se por ser o que esperam delas. E depois, como a pressão é tremenda, procuram a liberdade desesperadamente numa tentativa vã de se encontrarem.
Procuram a liberdade fugindo de si próprias, sempre fora delas. Partem à procura da liberdade. Eu não vou a lado nenhum para ser livre. O máximo que posso fazer é ir por ser livre.
Primeiro és livre, dentro, depois poderás fazer o que quiseres, pois tudo o que fizeres irá invariavelmente reflectir quem tu já és.
E o que é a liberdade interior?
Vive cada emoção, por mais ínfima que ela possa parecer. Sente quem és e nesse aspecto não faças concessões.
Sente, sente e sente. Esse sentir irá trazer informação espiritual preciosa acerca de quem és e do que vieste fazer à terra.
Sente, abre o coração e começa a ouvir a tua intuição.
E só então, age.
E nesse caminho, encontrarás a forma mais fabulosa de ser livre.
Alexandra Solnado